mulher com maquiagem utilizando a técnica cloud skin.

Cloud skin: descubra tudo sobre essa tendência

The estimated reading time for this post is 285 seconds

Quanto mais discussões temos sobre autoaceitação e os padrões de beleza inalcançáveis impostos sobre as mulheres, mais modificamos nossos cuidados. Uma prova disso é a tendência de cloud skin, que surgiu a partir de 2021 e está se popularizando cada vez mais.

Traduzida para “pele de nuvem” em português, a técnica idealizada por Dominic Skinner compila os diversos aprendizados que tivemos com as tendências de maquiagem que bombaram até hoje. Se você quiser aprender mais sobre esse novo estilo e, quem sabe, adotá-lo em sua rotina, continue lendo!

Iluminada de dentro para fora

Vamos começar pela dúvida principal: o que é a cloud skin? Basicamente, essa tendência propõe que deixemos de lado quaisquer exageros quando se trata da iluminação da pele. 

Desde o início da década de 2010, passamos por uma série de técnicas que usavam e abusavam de produtos para deixar a nossa pele “ideal”. Desde bases com coberturas altíssimas e finalização matte até protetores solares com o mínimo de cor e muito brilho, já passamos por tudo.

Por isso, a proposta que a cloud skin traz é muito mais natural, permitindo que a nossa pele brilhe de dentro para fora. Para isso, o foco está no skincare e em algumas técnicas de maquiagem para realçar os pontos naturais do nosso rosto.

Portanto, ela é quase que uma junção de todas as tendências de maquiagem que vimos até agora, em que utilizamos mattes nos locais certos e deixamos o glow em evidência onde faz sentido. Assim, tanto nossa aparência quanto nossa pele ficam mais saudáveis.

Como conseguir a pele de nuvem?

Um dos pontos que a tendência mais preza é a aparência de pele natural, mesmo que você esteja usando maquiagem. Por isso, antes de montar o look em si, é muito importante fazer um skincare adequado para as necessidades da sua pele. 

1. Limpeza e hidratação

O primeiro passo de todo skincare é a limpeza. Aqui, você vai retirar todas as impurezas da superfície da sua pele de forma a livrá-la de quaisquer resíduos e acúmulos desnecessários. Para esse passo, é recomendada a técnica de double cleansing, que significa limpeza dupla.

Basta ter um limpador à base de óleo e um sabonete facial de sua preferência. Aplique o primeiro e massageie-o bem em todas as partes do seu rosto. Enxágue bem e, em seguida, repita o processo com o sabonete. Isso vai garantir uma pele livre de resíduos!

Depois da limpeza, o foco é a hidratação. Prefira um produto não comedogênico e alinhado com as necessidades que a sua pele apresenta. Nunca deixe a hidratação de lado — ela é fundamental para ter uma pele viçosa e saudável por mais tempo.

2. Proteção e preparo

Agora é o momento de realmente preparar a pele para receber a maquiagem. Comece com um protetor solar poderoso, com uma textura que converse com o seu tipo de pele. Aqui, dê preferência a produtos que tenham acabamento transparente, para não afetarem a maquiagem.

Após deixar o protetor solar se acostumar à pele, você pode aplicar o primer. Ele vai criar uma barreira entre a sua pele e os cosméticos, protegendo-a. Além disso, ele ajuda a manter a maquiagem resistente por mais tempo, bem como oferecer uma série de acabamentos para o resultado do seu look.

Se você preferir, você também pode utilizar produtos que tenham a função de protetor solar e primer em um só. Assim, você economiza tempo e pode focar nos detalhes do próximo passo para criar sua cloud skin!

3. Base

Para chegar ao efeito de pele de nuvem que buscamos, é essencial saber onde colocar sua base. Para isso, ilumine seu rosto com qualquer fonte de luz e observe quais locais refletem a luz, quais não mudam e quais projetam sombra. Este será seu mapa para a aplicação dos produtos!

mulher utilizando a técnica de cloud skin.

Comece com uma base matte e espalhe-a em todas as partes do rosto que você sente que precisa. Você pode utilizar seus dedos; seu calor corporal ajuda o produto a deslizar pela sua pele. Em seguida, faça questão de esfumar os limites de onde você aplicou o produto para que tudo pareça uma coisa só (não esqueça o pescoço!).

Você não precisa fazer uma maquiagem leve necessariamente. Basta utilizar seus cosméticos para criar um efeito natural da maneira que preferir. Apenas se certifique de que sua pele mantém a aparência de pele depois que você terminar.

4. Iluminação 

Por fim, vem a hora do iluminador! O segredo é buscar uma pele iluminada, mas sem exageros. Para isso, lembre-se do mapa que você criou no passo anterior e aplique o produto apenas nas áreas que o seu rosto reflete a luz (normalmente, são a região dos ossos das maçãs do rosto, a ponta do nariz e do queixo, e o centro da testa).

Tome cuidado para não exagerar e prefira produtos com um efeito de gloss, e não de glitter. Finalize com um pouquinho de pó para fixar tudo, blush para reforçar o aspecto natural, contorno para realçar seus traços e, é claro, bronzer, para ter um visual ainda mais saudável.

Fique iluminada por inteiro com a Skelt!

Gostou da tendência de cloud skin? Então, não se limite apenas ao rosto e conquiste essa aparência saudável com os produtos que a Skelt oferece! São diversas opções para você escolher a melhor para você.

LEIA TAMBÉM

skelt tips | dicas em vídeos

Deixe um comentário